quinta-feira, 4 de maio de 2017

Abraços

Se os abraços fossem eternos como a dor da saudade, éramos, sem dúvida alguma, muito mais felizes.
Ana Guedes